Inovação no mercado educacional é tema do Quero Captação 2019

Quarta e maior edição do evento discute o futuro nas instituições de ensino

Publicado em: 17 de outubro de 2019
quero captacao

São aguardadas mais de 1.200 pessoas na edição deste ano

O Quero Captação, evento destinado a formar um ecossistema educacional cada vez mais ativo no país acontecerá no dia 25 de outubro, no Expo Center Norte. Em sua quarta e maior edição, mais de 44 palestrantes, gestores e educadores se reunirão em prol de um ensino inovador e discutir as melhores práticas na gestão educacional.  Realizado pela edtech Quero Educação, seu cronograma, com diversos nomes referência no mercado, reforça como o setor está aquecido no país. Com o advento das startups especializadas no mercado, as instituições de ensino de todo o mundo passaram a contar com novas tecnologias inseridas no dia a dia de alunos, professores e gestores.

Entre os keynotes do evento está o norte-americano Jeremy Rossmann, que criou uma faculdade de tecnologia na qual os alunos não pagam até conseguirem um emprego na área. A Make School, situada em São Francisco na Califórnia, traz uma grade curricular 100% pautada nas demandas das empresas de tecnologia do Vale do Silício. Todo o currículo é baseado na cultura maker, o que faz com que os alunos se formem com um forte portfólio. Os alunos da Make School conquistam empregos em grandes empresas como Google, Tesla e outros gigantes do mundo da tecnologia.

“Estar em constante atualização é um dever dos centros educacionais. Segundo a pesquisa Projetando 2030 da Dell Technologies e IFTF (Institute For The Future) 85% das funções em que os profissionais atuarão em 2030 ainda não existem. É necessário acompanhar o mercado profissional em constante mudança e preparar, independentemente da idade, aqueles que hoje são estudantes”, explica o Diretor de Inteligência Educacional da Quero Educação, Pedro Balerine.

O objetivo do Quero Captação é discutir como inserir novas tecnologias na educação brasileira, advindas da transformação digital, em suas diversas vertentes como ensino básico, cursos livres, idiomas e o ensino superior. No país, o cenário das edtechs segue em crescimento. As startups de educação representam 7,8% do total do ecossistema nacional, crescendo em média 20% ao ano, segundo dados da Associação Brasileira de Startups (Abstartups) com o Centro de Inovação para a Educação Brasileira (Cieb).

Keynotes e trilhas do conhecimento

Além de Jeremy Rossmann, os outros keynote speakers do Quero Captação 2019 são o CEO da Arco Educação, o escritor, filósofo e coordenador de curso na FAAP, Luiz Felipe Pondé; e o Economista, empreendedor e colunista do Estadão, Ricardo Amorim.

Durante as quatro trilhas de conteúdos simultâneos, divididas entre marketing e captação, atendimento ao aluno, pedagógica, finanças e operações, e cases de sucesso, serão mais de 30 palestrantes. Dentre os profissionais confirmados estão Eduardo Senise, Diretor de Educação Continuada do Grupo Estácio; Claudio Pinheiro, data scientist da IBM; Juliano Costa, VP da Pearson Brasil, entre outros. Mais informações no link: querocaptacao.com.br .